2010 – Adeus ano velho

O ano de 2010 acabou sendo sem grandes novidades na minha vida no geral, mas foi importante porque foi nele em que eu despertei pro ciclismo.
Em março, graças a Deus fui alocado em um projeto na Vila Mariana e acabei optando por ir trabalhar de bicicleta, o que contribuiu pra que eu me apaixonasse pela magrela e pela liberdade que ela me proporcionava.

No começo eu pedalava 10 km na ida e 10 km na volta e achava o máximo. Chegava exausto no trabalho e ainda por cima tomava banho frio, mas valia a pena. Eu me sentia satisfeito por não precisar mais do carro ou do ônibus.
Depois de pouco mais de um mês eu resolvi trocar a minha bicicleta velha por uma parruda, e acabei comprando uma Kona que me atende perfeitamente até hoje.

Três meses depois eu recebi a notícia que eu seria transferido novamente pra Berrini. No começo dei uma desanimada, afinal de contas eu teria que pedalar 40 km ao invés de 20 km, mas depois fiquei motivado com a evolução que eu poderia ter na bike, e foi assim que aconteceu.
Hoje eu pedalo esses 40 km sem problemas, e consigo chegar em casa quase sem estar cansado.

Competições:

Em março eu resolvi meter as caras e uma competição de alto nível chamada Claro 100k com a minha magrela velha. Passei uma vergonha danada… A maioria dos ciclistas eram profissionais, pois poucos amadores seriam malucos o suficiente pra pedalar 100 km, mas eu era um desses malucos. O pessoal me media dos pés à cabeça muito provavelmente pensando:

O que esse rampeiro com roupas de corredor de rua e bicicleta barra forte está fazendo aqui?

O resultado disso tudo é que eu completei só 20km, cheguei em último e acabei me motivando mais ainda a pedalar.

Depois da experiência da Claro 100k eu resolvi fazer uma prova que exigisse um pouco menos, mas foi aí que me enganei. O resultado do Desafio Serra de Campos pode ser lido aqui.

Clube de ciclismo:

Chegou um momento em que eu não tinha mais onde buscar informação e não conseguia mais evoluir no ciclismo. Foi quando, em novembro, eu ingressei no Clube de Ciclismo da Claro. Além de pedalar com um pessoal fera eu aproveitei pra conhecer gente famosa.

Passeios e competições que não deram certo:

Mesmo planejando muitos passeios interessantes e recebendo diversos convites, eu não consegui participar nem da metade. A lista abaixo tem alguns convites que recebi, mas que infelizmente não consegui participar.

Claro 100k Campos do Jordão
Pedal de Natal CAB
2º Passeio Cicloturistico Rota Marcia Prado 2010
Circuito Montanhês
Convites do Bob (colega de Claro)
Convites do Mario Magalhães (também colega de Claro)

E assim foi o meu 2010… Com progresso e muitas pedaladas. Que venha 2011!

Anúncios
Esse post foi publicado em clube de ciclismo, competição, passeio, resumo. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s