SRAM 50K (resultado)

Dois meses depois tomei coragem pra voltar a escrever no blog, e como prometido vou retomar com um post sobre a corrida SRAM 50K.

Dia 27/02 parti sozinho de São Paulo rumo a Vinhedo (há 80 km da minha casa) pra me aventurar na minha primeira corrida de bike na terra.

Cheguei onde eu achei que era a largada com 1h de antecedência, vi um pessoal pedalando e fiquei enrolando dentro do carro, comendo banana e ouvindo música.
Meia hora depois percebi que estava no lugar errado e que a verdadeira largada ficava há uns 5 km de lá. Toca eu colocar a bicicleta de volta no bagageiro e pisar fundo.

Chegando ao verdadeiro local da corrida, estacionei o carro e passei o protetor solar.
Me senti meio desconfortável por estar sozinho, mas me enturmei logo com dois pedaleiros que pareciam tão novatos quanto eu.
Antes de alinhar as magrelas pra iniciar a corrida deu tempo de comprar uns sachês de energia e abastecer o squeeze com carboidrato.

A largada atrasou mais de uma hora e pra minha sorte tinha uma sombrinha perto de mim, me ajudando a não tostar naquele solzão.

Logo na primeira curva, num espaço que mal cabiam dois ciclistas de tão estreito que era, eu começo a sentir o drama do que é uma corrida na terra/lama, me desequilibrei da bike e não consegui soltar a sapatilha do pedal… Acabei tombando em cima do ciclista que tava do meu lado e ralei o joelho. Tive que esperar todos os ciclistas passarem por mim pra então subir de volta na bike de novo, mas a subida era tão íngreme que a roda de trás girava em falso a cada pedalada. Pensei que eu não fosse conseguir sair dali sem empurrar a bike, foi quando um cara surge do nada e me empurra até a bike pegar o embalo.

Antes da primeira volta eu já estava com uma dor absurda na lombar e pedindo a Deus pro tormento acabar. Eu não tinha ideia do quanto era difícil competir em terreno irregular. Essa corrida fez o Desafio Serra de Campos parecer fácil.

O percurso era tão difícil que tinham umas curvas em que quase não cabia a minha bicicleta de tão estreito que era. Eu tinha que fechar os cotovelos senão eles batiam nas árvores. Em uma dessas curvas eu não recolhi o meu cotovelo o suficiente e acabei ralando nos espinhos.

Na 3ª volta eu já pensava em desistir, o calor do meio dia era muito forte e a cada subida eu tinha que descer da bike pra empurrar. Em uma dessas subidas um garotinho de uns 14 anos que já tinha me feito de retardatário umas duas vezes estava atrás de mim forçando a ultrapassagem, aí eu pensei:

“não vou parar no meio da subida e empurrar a bike na frente desse pivete”

Continuei pedalando com a língua de fora por uns 30 segundo, mas não agüentei. O menino estava colado na minha roda traseira quando eu parei sem avisar, e ele gritou:

“poooooooo meeeeeu avisa néé!!!”

Superada essa pequena humilhação eu continuei até a linha de chegada e finalizei a corrida com uns 15 km pedalados dos 28k que eu pretendia, mas valeu o desafio. Foi bem difícil!


Anúncios
Esse post foi publicado em competição. Bookmark o link permanente.

2 respostas para SRAM 50K (resultado)

  1. hahahaha engraçada a parte do pivete!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s